Cultura

Artesanato e Arte:

A cultura do Senegal é especialmente conhecida pela qualidade dos seus artesãos que trabalham determinados materiais de forma requintada. O outro, a prata  o bronze são materiais muito bem trabalhados por estes artesãos, mas a pintura em vidro, e o trabalho em tecidos de algodão são também especialidades destes habitantes da região. Os pintores retratam nas pinturas de vidro o dia-a-dia desta população, com humor e talento aplicando também cores vivas de estílo ingénuo, enquanto que o algodão é trabalhado para a roupa tradicional e moderna e serve também para a decoração de todos os tipos de sacos.

A pintura é essencialmente urbana, e é a expressão cultural das grandes cidades africanas. Ela é o testemunho de uma África Nova, onde ocorrem o encontro de raças e culturas.

Cada região tem o seu próprio artesanato tradicional.

                         senegal-13

                                                                         Escultura

 

Museus:

No Museu de Arte em Dakar, encontra-se a maior exposição de arte negra já realizada no mundo e única em seu género, tanto pela qualidade como pela quantidade de objectos expostos.  

Este Museu surgiu da iniciativa dos artistas senegaleses, com o apoio do governo, em organizar uma exibição anual da criação artística do povo.

Alguns dos museus em Dakar, são:

  • Centro de Documentação do IFAN (Instituto Fundamental da África Negra, Cheik Anta Diop);
  • Museu de Arte Negra Africano, Praça Soweto;
  • Museu Histórico, Museu do Mar dos Escravos em Gorée.

                                                       foto7

                                                            Tela do Museu de Arte Negra

      

Música:

A música do Senegal é muito apreciada tanto em África como em todo o mundo.

O Senegal é um país rico em valores musicais. Cada grupo tem a sua ética e possuem os seus instrumentos musicais que são próprios.

A herança musical do Senegal é mais conhecida do que em muitos países africanos, devido à popularidade do mbalax, que é uma forma de música percussiva dos Wolof, e tem sido popularizada por Youssou N´Dour.

Alguns dos artistas mundialmente famosos são:

  • Youssou N’Dour – Um dos mais importantes intérpretes da África. A sua música tem alcançado um vasto público através de colaborações com artistas como Peter Gabriel, Neneh Cherry e Branford Marsalis.
  • Baaba Maal – É um cantor muito talentoso do Senegal. Ele está a emergir para a ribalta internacional como um dos artistas mais quentes do mundo.

                               clip_image002[4]

                                                    Youssou N’Dour

 

Alguns dos Instrumentos Musicais, são:

 djembe balafon 

              Djembé                                  Balafon

bombolong cora

                           Bombolong                                               Cora

 

Moda:

Os elementos da cultura são tão comuns entre os diferentes grupos étnicos, que dificilmente se pode distingui-los pelas suas roupas.

O mais básico para se vestir é o tecido de algodão. Este tecido estampado é usado normalmente para a vida quotidiana. As roupas em tecidos tingidos estão geralmente reservados para ocasiões especiais. Este tingimento é uma habilidade muito valorizada que é transmitida de geração em geração.

Portanto, as mulheres vestem os vestidos consoante a ocasião. Mas o longo vestido islâmico (“bubu”) geralmente é usado após o trabalho.

 

Literatura:

Os escritores/autores mais importantes da literatura senegalesa são:

  • Mariama BA
  • Ken BUGUL
  • Nafissatou Niang DIALLO
  • Mamadou DIALLO
  • Birago DIOP
  • Boubacar Boris DIOP
  • David DIOP
  • Aminata Sow FALL
  • Cheikh Hamidou KANE
  • Mame Seck MBACKE
  • Amina SOW MBAYE
  • Alassane Salif N’DIAYE.

 

Compras:

O Senegal desperta um certo interesse relativamente ao artesanato local com tecidos ou batiks coloridos pintados à mão, tais como: objectos de ouro, bronze e prata, colares de pérolas, braceletes, esculturas de marfim ou de diferentes madeiras, máscaras, bonecas vestidas com trajes folclóricos, pinturas naif, posters e camisolas (com a fauna local estampada nelas), marroquinaria, instrumentos musicais, vasilhas de madeira, objectos de couro, cestaria e bordados.

Para se comprar este artesanato pode-se afluir aos mercados ou aos grandes centros comerciais que há em algumas cidades, como o centro de comércio de Dakar, Zinguinchor, St. Louis e em Thies, onde se pode visitar o Centro de Artes Decorativas. O regateio, como em todos os países é indispensável.

 

Festividades:

Um dos principais dias festivos é o 4 de Abril em que se celebra o aniversário da Independência.  Entre as festas mais singulares encontram-se o Manidan, que se realiza no mês de Abril na região de Kedongon. Nesta festa os músicos são vestidos com máscaras, os quais fazem dançar os homens. Geralmente diz-se que se uma mulher ousa olhar a dança, ficaria estéril.

Em St. Louis, a 24 de Abril celebram-se os Fanales. Esta festa, trata-se de um desfile acompanhado do som do tam-tam e de lamparinas de papel, que representam todo o tipo de objectos. Na região de Casamance, no mês de Maio celebra-se a Festa da Máscara Kagran. Nesta festa oferecem-se sacrifícios em honra dos ancestrais.

No Verão, de Junho a Julho, durante quatro dias festeja-se o Fil. Nestes quatro dias de festa celebram-se os cantos e as danças e predizem-se os acontecimentos que vão ter lugar ao longo do ano. É também no Verão que se celebram umas vistosas danças que realizam os habitantes vestidos com os trajes tradicionais, ou seja, enquanto dançam e bebem ao redor dos túmulos dos seus antepassados.

Além destas celebrações tradicionais, celebram-se também as festas católicas como o  Natal, Ano Novo, Semana Santa, a Ascensão, etc., e as festas muçulmanas, que variam ano após ano, de acordo com o calendário lunar.

 

Gastronomia:

A gastronomia senegalesa tem como pratos principais os preparados a base de carne ou de peixe, que são apresentados de diversas maneiras.

O prato nacional é o tieboudienne, um preparado de peixe com arroz e verduras. Outra das comidas típicas é o Yassa de peixe, um dourado que se serve acompanhado de arroz cozido. Preparam-se também com peixe e bolinhos.

O arroz é um dos ingredientes principais na cozinha senegalesa, que geralmente é o acompanhamento de outros pratos, como o thion de camarões (camarões com salsa de tomate).

A carne também é utilizada na preparação de alguns pratos, como o Yassa com frango em salmora de limão verde acompanhado de arroz, e o mufle com amendoins, tomate e arroz.

Os bolinhos de milho e bom-bom, os bolinhos com noz de coco e as tortas salgadas com molho de tomate picante também são muito apreciadas nesta região.

Todas estas especialidades de comida podem ser saboreadas em qualquer restaurante, onde há muitas variedades de comida, entre a comida senegalesa e a comida europeia.

As bebidas substituem os vinhos proibidos para os muçulmanos, entre eles o bissap, uma bebida com uma ligeira espuma branca. Em Casamance, a bebida tradicional é a bebida que se extrai da palma, depois de um processo de fermentação. Depois de destilado converte-se na cana com a qual se faz o ponche (bebida alcoólica). 

      308707                                         882161254_98141ad6eb

                      Tieboudienne                                                                  Yassa de frango senegalês

 
 

Desportos:

A Luta Serer é o desporto nacional. Tyson, Mohammed Aly, Balla Beye, Tapha Gueye, Mor Fadam, são alguns nomes de estrelas.

                                                        cultlutt
 
Alguns dos desportos do Senegal são o futebol, o basquetebol e o Rally. Um dos acontecimentos mais importante do Senegal, é o Rally París Dakar. Carros, caminhões, motos e numerosos veículos de apoio conformam a caravana.
 

           012-Dakar2006              senegalposter

 

 

Fonte:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Cultura_do_Senegal, captado a 14 de Março de 2008

http://www.colegiosaofrancisco.com.br/alfa/senegal/senegal-3.php, captado a 14 de Março de 2008

http://membres.lycos.fr/soumaway/senegal/culture.html, captado a 1 de Junho de 2008

http://www.rumbo.com.br/guide/br/africa/senegal/sitios.htm, captado a 3 de Abril de 2009

Responses

  1. massa, só precisa de mais fotos


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: